Roteiro Kanchanaburi | 10 Coisas Imperdíveis

Tal como prometido em post’s anteriores, estas são as 10 coisas imperdíveis em Kanchanaburi!

 

1. Cemitério de Guerra dos Aliados

Cemitério é sempre um local que nos arrepia, mas este tem uma carga enorme. Tem uma história por trás tão grande, que somos incapazes de ficar indiferentes.

Este cemitério fica em frente ao Museu Thailand-Burma Railway Centre e tem cerca de 7000 prisioneiros de guerra.

É tão grande que na entrada tem um livro com o nome da pessoa enterrada e a sua localização.

2.Thailand-Burma Railway Centre Museum

Confesso que fiquei tão perturbada com este museu. É um museu com tanta história, tão bem organizado que às tantas, eu estava a ser transportada para a história.

Este museu conta a história da enorme e extraordinária construção dos caminhos de ferro para ligar a Tailândia e à Birmânia (cerca de 415 km).

Na altura, os japoneses usaram 60 mil prisioneiros de Guerra e mais de 250 mil trabalhadores forçados do sudoeste asiático e trabalharam em condições desumanas. As imagens do museu retratam isso muito bem.

Mais de 100 mil pessoas morreram na construção dos caminhos de ferro e daí o nome Thai-Burma Railway ou Death Railway.

A entrada custa120 baht e vale muito a pena a visita.

 

3. Ponte do Rio Kwai

A Ponte do Rio Kwai é provavelmente a principal atração turística de Kanchanaburi. Fica a 2,5 km do centro da cidade e tem cerca de 300 metros de comprimento.

Dá para fazer um passeio a pé sobre ela e tirar fotografias lá de cima, tem um vista fantástica.

À volta encontram-se lojas e restaurantes.

Ela não está como originalmente foi construída porque parte dela foi destruída pelas bombas dos aliados durante a Segunda Guerra, por isso, apenas as estruturas externas são originais.

Se a visitarmos depois de conhecermos a história do que se passou e o que vimos no museu é impossível não sentirmos a carga dramática que uma construção dessas tem.

Não podem deixar de atravessar a ponte de comboio, fazendo o passeio Kanchanaburi – Nam Tok, vale muito a pena.

 

4. Museu da Segunda Guerra Mundial

Depois de visitar a Ponte do Rio Kwai, encontra-se este museu.

Não é tão bom como o Thailand-Burma Railway Centre Museum, mas para quem gosta de saber um pouco mais da história local, pode dar uma passada por lá.

Custa 40 baht e não contem com a mesma emoção do Thailand-Burma, por isso, se tiverem que escolher entre um dos dois, prefiram o Thailand-Burma Railway Centre Museum.

 

5. Jeath War Museum

Este museu tem fotografias incríveis!

Tem uma carga emocional que fica presente em nós sempre que nos lembramos de Kanchanaburi.

Encontram-se por lá objectos pessoais dos prisioneiros, notícias de jornal, fotografias do dia-a-dia dos prisioneiros, enfim, emocionalmente muito forte.

Vale muito a pena visitar.

Este museu chama-se Jeath, porque é a sigla das primeiras letras dos países envolvidos na construção dos caminhos de ferro.

Japão, England, Austráulia/EUA, Tailândia, Holanda.

A entrada custa 50 baht.

 

6. Hellfire Pass Memorial Museum

Antes de conhecer o Hellfire Pass é importante visitar o Hellfire Pass Memorial Museum.

Neste Memorial / Museu ficamos a conhecer a dureza e o sofrimento causado pela construção dos caminhos de ferro. É tudo muito bem explicado e de uma forma que ficamos com alguma tristeza no coração, só de imaginar.

É muito informativo e retrata bem o que foi a segunda guerra mundial em Kanchanaburi.

É gratuito e é sem dúvida imperdível.

 

7. Hellfire Pass

É de arrepiar!

Depois de se conhecer a história, de se visitar os museus, o memorial, o cemitério… sair do Hellfire Pass Memorial Museume ir ao Hellfire é de arrepiar!

O Hellfire Pass é talvez a parte mais dura e cruel da construção dos caminhos de ferro, foi feita em condições extremas e perderam-se imensas vidas. Também daí veio o nome: Hellfire Pass.

Actualmente, a parte da antiga onde se encontra o Hellfire Pass não está a ser utilizada. A última estação em uso é a estação Nam Tok, que fica a 18 km.

Como já disse em cima, na zona onde fica o Hellfire Pass, está o Memorial / Museu: Hellfire Pass Memorial Museum.

E podemos fazer uma caminhada junto aos caminhos de ferro e com a ajuda de um guia, saber pormenores incríveis.

Escrevi post sobre o Hellfire Pass aqui:

Tailândia | Hellfire Pass

 

8. Passeio de Comboio | Kanchanaburi a Nam Tok

Este passeio demora cerca de 2 horas e é muito bonito. Há quem diga que vale a pena ir do lado esquerdo na ida e voltar no lado direito. Eu, andei a saltar do lado esquerdo para o direito quer a ida, quer a volta, deslumbrada com as paisagens.

A viagem saí de Kanchanaburi, atravessa a Ponte do Rio Kwai e segue pelo vale do Kwai Noi. E pelo caminho é só ir vendo o que a paisagem tem para oferecer, são coisas absolutamente maravilhosas.

Na maior parte da viagem encontramos vegetação, plantações, montanhas e de repente quando se deixa de ver verde intenso, abre para um azul. É quando encontramos parte do Rio Kwai e é uma vista espectacular.

Não dá para ir a Kanchanaburi sem fazer este passeio!

Custa 100 baht.

Escrevi post sobre este passeio de comboio aqui:

Kanchanaburi a Nam Tok | Passeio de Comboio

 

9. Passeio pela aldeia da Cultura Mon

Esta aldeia é muito carismática e pitoresca.

As casas são feitas com materiais vindos maioritariamente da selva, tais como galhos e folhas gigantes.

E é normal encontrar galinhas por lá, quase todas as casas têm um quintal com galinhas a pastar.

Ao longo da aldeia encontram-se vários bancos altos, onde se sentam ao fim de um dia de trabalho para alongarem as pernas

Escrevi post sobre a Cultura Mon aqui:

Tailândia | Cultura Mon

10. Passar uma noite num resort flutuante

Não dá como estar em Kanchanaburi e não viver uma experiência livre desta!

Passar uma noite num resort fluturante, sem electicidade, só com a luz das estrelas, o som dos animais…

É maravilhoso.

 

No Jungle Rafts numa manhã, assisti aos elefantes a tomar banho, que maravilha!

Escrevi post sobre este Resort flutuante aqui:

Kanchanaburi | Resort Flutuante

 

 

 

Mais sobre a Tailândia aqui:

Banguecoque

Roteiro de Banguecoque

Kanchanaburi

Kanchanaburi | Sugestão de Hotel

Tailândia | Hellfire Pass

Kanchanaburi a Nam Tok | Passeio de Comboio

Tailândia | Cultura Mon

Kanchanaburi | Resort Flutuante

 

Créditos das fotografias: Maria Amélia®

 

Podes gostar de ler:

Travel | World

Travel | Portugal

 

Já me segues no Facebook e no Instagram? ♥

GuardarGuardarGuardarGuardar

GuardarGuardar

GuardarGuardarGuardarGuardarGuardarGuardarGuardarGuardar

GuardarGuardar

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Coisas FABULOSAS acontecem a quem subscreve esta newsletter!
Maria Amélia ícone
error: Conteúdo protegido!!
%d bloggers like this: