O Cancro e o Preconceito

Hoje venho falar de um tema que apesar de todos conhecermos, continuamos a fingir que não existe:

O Cancro e o Preconceito!

Não tinha em mente escrever já sobre este assunto, mas na mesma semana recebi três e-mails que me deixaram a pensar que teria que o fazer agora.

Pedi autorização para partilhar o seguinte:

“Desde que estou a fazer quimioterapia ando com muitas alterações hormonais e então tanto tremo de frio, como começo a transpirar cheia de calor. E por isso, muitas vezes, tiro o gorro. Normalmente apanho o metro à hora de ponta, e está sempre muito calor, tiro o gorro… o assento ao meu lado vai sempre vazio e o metro a abarrotar de gente…”

 

“No meu trabalho desde que souberam que estou com cancro tratam-me muito bem, pelo menos aparentemente, porque sei (através de uma colega) que têm ordens expressas para desinfectar todos os objectos que eu use na copa (onde almoçamos).”

 

“Não entendo porque as pessoas ficam tão especadas a olhar para o meu filho, só porque está mais magro e careca…”

 

Então hoje vamos esclarecer algumas coisinhas importantes, que talvez não sejam do conhecimento de todos:

O cancro não se pega ok?

A isso chama-se varicela, que é um pouco diferente, até porque provoca umas borbulhas horríveis.

Sentarem-se ao pé de um cancerosno (nome fofinho para quem padece de cancro), não significa que a pessoa vos vá cair no colo a chorar a encher o ombro de ranho.

Ficarem especados a olhar para alguém só porque não tem cabelo, leva-me a crer que nunca poderão ir a Bangkok ver os Budas… e olhem que nem sabem o que perdem!

E se nunca tiveram nenucos… nem sabem o que perderam!

Desinfectarem os objectos usados por um cancerosno não faz grande sentido, porque quem tem o sistema imunitário mais baixo é o próprio. Se querem ser úteis, façam ao contrário.

Desinfectem os vossos pratinhos e garfinhos, boa?

Olharem com ar de quem está num funeral para uma criança que está em tratamento é tão desnecessário…

Chutem-lhe a bola! Dêem-lhe um sorriso! Façam um cucu com as mãos!

Há tanta coisa, que escolher ficar a olhar com ar de infeliz é sem dúvida a pior escolha!

 

E agora, para quem (minhas queridas que me escreveram) sente na pele este preconceito deixo esta mensagem.

Com todo o respeito que tenho pela vossa luta, não percam tempo nem energia com esse tipo de situações.

Ainda que sejam bem desagradáveis e difíceis de gerir, dentro do quadro que estão a viver neste momento.

Vocês sabem (e eu sei), o que é a vossa luta e o quão difícil ela é.

Na minha altura, também passei por coisas inacreditáveis, mas percebi que:

  • As pessoas que olham muito, é porque têm um medo terrível de passarem pelo mesmo, na altura li sobre o efeito-espelho, ou seja, as pessoas olham e têm medo que aquilo se reflitam nelas. Até podem olhar como pena, mas nunca por mal.
  • As pessoas que se afastam, desviam ou viram costas, são pessoas (coitadas) que nem sabem o que estão a fazer e, na dúvida, fogem da realidade, com medo nem elas sabem de quê.
  • Quem relativiza ou despreza a vossa dor, não merece o vosso respeito. Ignorem, neste momento o vosso foco tem que ser outro.

E para todos aqueles cujos familiares ou amigos vos façam sentir mal ou diferentes, convidem-nos a ir ao IPO, à ala das crianças e deixem-nos aprender com elas.

As crianças sabem bem como lidar com um cancerosno.

Gostava de explicar isto de outra maneira, mas só me sai esta: Sem merdas!

As crianças lidam sem merdas. Sem se’s. Sem mas. De coração e com amor.

Não se deixem afectar com isto, agora, a batalha é outra!

Irei voltar a este assunto, mas sobre o preconceito no depois da doença.

Obrigada a todos pelo feedback maravilhoso que me têm dado e os vossos e-mails são aprendizagens constantes.

Obrigada!

 

Mais aqui: Cancro

11 Replies to “O Cancro e o Preconceito”

  1. Que lindo texto… Do quem passa é que compreende aquilo que escreve. PARABÉNS!!!!

    1. Obrigada querida Cláudia. ❤️

  2. fernandacarvalho says: Responder

    Gostei muito de ler!! E só sabe quem passa por isso!! Mas a verdade é essa o Cancro não se pega , isso é que é real!!

    1. É verdade ❤️ beijinhos!

  3. Maria antes de mais nada quero muito agradecer ao seu comentário no meu blog. Fez meus dias mais felizes. É sempre bom contar com leitoras tão carinhosas (e corajosas)!
    Gostei muito do que disse! Ainda existe muita falta de informação e preconceito em relação ao câncer. E o principal junto com o tratamento é o carinho, o afeto e o respeito. Acredito mto nisso

    Bjs
    Priscilla

    1. Obrigada querida Priscilla!
      Beijinhos ❤️

  4. Nossa, fiquei chocada com esses depoimentos. Como as pessoas são ignorantes e preconceituosas… que tristeza isso gente! Maravilhoso o seu post Maria!

    1. Obrigada querida Camila ❤️❤️
      As pessoas preferem ser más ao invés de ser felizes!

  5. Fernanda carvalho says: Responder

    Gostei Muito de ler!!! É incrível como há pessoas tão ignorantes!!!.

    1. Obrigada pelo comentário. Beijinhos

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Coisas FABULOSAS acontecem a quem subscreve esta newsletter!
Maria Amélia ícone
error: Conteúdo protegido!!
%d bloggers like this: