Principezinho

Hoje, DIA MUNDIAL DO LIVRO escolhi falar do livro que mais marcou a minha vida: O Principezinho.

É uma obra do escritor francês Antoine de Saint-Exupéry, publicado em 1943 nos Estados Unidos da América. O autor do livro foi também o autor das ilustrações originais.

Penso que todos conhecemos este livro, ninguém pode ficar indiferente aos momentos enternecedores e diálogos que são tão simples e ao mesmo tempo tão especiais do Principezinho. É inevitável ficarmos a pensar no que realmente é importante na vida, e que as “pequenas coisas” podem desconcertar pela complexa simplicidade que são.

Principezinho

Algumas curiosidades:

É o livro em língua francesa que mais foi vendido no mundo, com mais de 143 milhões de exemplares e entre 400 a 500 edições. Também se trata da terceira obra literária mais traduzida no mundo, tendo sido publicado em 160 idiomas e dialetos.

Em Portugal, O Principezinho integra o conjunto de obras sugeridas para leitura integral, na disciplina de Língua Portuguesa, no 2º Ciclo do Ensino Básico.

No Japão, há um museu dedicado ao Principezinho.

Eu adoro tudo o que tenha a ver com o universo Principezinho: estojos, blocos, canetas, enfim… tudo!

Principezinho

E fiquei muito feliz por saber que brevemente, teremos o Principezinho no grande ecrã!

O filme estará em competição na 68º edição de Cinema de Cannes. Realizado por Mark Osborne, são vários os atores de renome que emprestam a voz a esta história, entre eles James Franco, Marion Cotillard, Mackenzie Foy, Rachel McAdams, Ricky Gervais, Benicio del Toro, Jeff Bridges, entre outros, e Riley Osborne como o principezinho.

Mark Osborne, promete contar, de outra perspectiva, a história que apaixonou várias pessoas à volta do mundo.

Tem estreia prevista para Outubro, partilho o trailer:

 

“Cada um que passa em nossa vida, passa sozinho, pois cada pessoa é única e nenhuma substitui outra. Cada um que passa em nossa vida, passa sozinho, mas não vai só nem nos deixa sós. Leva um pouco de nós mesmos, deixa um pouco de si mesmo. Há os que levam muito, mas há os que não levam nada. Essa é a maior responsabilidade de nossa vida, e a prova de que duas almas não se encontram ao acaso.”

Principezinho

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Coisas FABULOSAS acontecem a quem subscreve esta newsletter!
Maria Amélia ícone
error: Conteúdo protegido!!
%d bloggers like this: