Preço a pagar

“Vais passar o Natal a Portugal?”

Pergunta a Diana ao Hugo.

Diana acabara de conhecer Hugo por acaso num supermercado.

Ouviu-o a falar ao telemóvel em português e de imediato o abordou:

“És português??”

Foi assim que nasceu está recente amizade.

Estão imigrados numa cidade pequena perto de Pequim e a Diana ainda não conhecia muitas pessoas por lá e portugueses, só mesmo o Hugo.

Ela está a viver o sonho da sua vida…

Chegou há 6 meses e está a adorar tudo.

Sonhava com este país há anos.

Programou os últimos anos da sua via em prol desta mudança.

Estava mesmo a adorar a experiência.

Quer dizer, adorava quase tudo.

As saudades ainda estão difíceis de aguentar.

“Vou! Já tenho passagem marcada há 4 meses! Posso não ir no Verão, mas no Natal nunca falho!”

Diz o Hugo muito feliz.

“Eu não vou. Passo cá. Vai ser um Natal pela Internet.

Bom Natal Hugo! Para ti e para a tua família. Depois avisa quando voltares.”

E lá foi ela a caminhar e a limpar as lágrimas que teimavam em correr.

Vazio. Sentia um vazio.

Chegou a casa, e tentou tornar aquele frio apartamento num lar improvisado para a noite de Natal passada via Skype ser o mais parecida com a noite passada em Guimarães, onde estaria a família toda.

E pela primeira vez sentiu o preço a pagar por ter seguido o sonho da sua vida.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Coisas FABULOSAS acontecem a quem subscreve esta newsletter!
Maria Amélia ícone
error: Conteúdo protegido!!
%d bloggers like this: