E foram cada um para seu lado

No outro dia ia ter uma reunião mas cheguei (convenientemente) mais cedo.

Acabei por ir matar esse tempo no shopping que há ao lado.

Entretanto acabei por pedir um chá, sentar-me e preparar-me um pouco para a reunião.

Ao meu lado estava um casal.

Deviam ter cerca de 23/25 anos. Não mais que isso.

Estavam sérios, com olhares cabisbaixo.

Havia um silêncio quase acutilante.

Sentei-me, tirei tablet da mala, bloco, canetas…

E todos os barulhos que eu fazia ficavam empolados naquele silêncio quase muito ao género de velório!

E o semblante então era de assustar!

Muito carregado e nada típico da frescura daquelas idades.

E eu tentava abstrair-me disto tudo mas confesso que sentia alguma tensão no ar…

Procurei outro lugar, mas não havia.

Fiquei onde estava.

Eles na vida deles.

E eu na minha.

Até que…

“Então pronto se é assim, o melhor é ficarmos por aqui…”

E ela baixinho disse apenas:

“Sim…”

De seguida levanta-se, e ele também.

Ele agarra-lhe carinhosamente na nuca, puxou-a até os corpos se tocarem e deu-lhe um beijo lento na testa.

Pareceu-me que lhe disse qualquer coisa, muito baixinho, que obviamente não ouvi.

Ela… ela estava destruída…

Não disse absolutamente mais nada.

Apenas desviou o cabelo da cara.

Tentou fazer um sorriso mudo, mas muito forçado.

E os olhos?

Brilhavam, a adivinhar um dilúvio de lágrimas.

Aguentou e não chorou.

E foi como nos filmes.

Ele virou as costas e seguiu o seu caminho pela esquerda.

E ela continuou em frente a arrastar as botas que tinham o peso de um coração partido.

Cada um para seu lado.

Sem olharem para trás.

E eu só queria ampara-la…

Só queria dar-lhe aquele abraço em forma de ombro para ela chorar…

Eu não sei o que se passou, mas sei que sou uma romântica que acredita no Amor…

E na força do Amor nas nossas vidas.

E quando isso acaba, é triste.

Porque, mesmo não os conhecendo, mesmo não sabendo a história…

Houve um dia em que eles também acreditaram nesse Amor que naquele dia acabou…

 

Créditos da fotografia: Daniel Drewniak

 

Já me segues no Facebook e no Instagram? ♥

Deixe uma resposta

%d bloggers like this: