A minha cábula das 21 dicas

21 dicas que não dispenso para manter os níveis de felicidade equilibrados e a minha sanidade mental.

Às vezes com o stress do dia-a-dia, com a envolvência em temas difíceis, contactos com pessoas tóxicas, deixo-me contaminar por energias más que me deprimem e me fazem andar para trás.

Nem sempre consigo acordar com o pico máximo da energia ou andar aos pulos de felicidade todos os dias.

Por isso, uso e abuso de dicas que me façam focar no que realmente é importante, senão entro no novelo de maus pensamentos que, para além de não me levarem a lado nenhum, ainda me põem doente.

Aqui vai a cábula que escrevi na minha agenda, para quando só consigo ver coisas na escala do cinzento, comece a ver um arco-íris meio esbatido, depois com um pouco mais de cor, até chegar ao expoente máximo dos tons!

Comigo resulta, espero que com vocês também!

 

Gratidão!

Há quem afirme com toda a força que pessoas gratas são pessoas mais felizes e vice versa.

Eu sinto que é um canal, que alimenta a felicidade. Sermos gratos a pessoas, coisas, momentos… o que for, faz maravilhas para a felicidade.

É um ciclo vicioso! Acontece – Agradece!

 

Sorrir!

E há coisa mais fácil? Sorrir liberta-nos de coisas más. Desvia-nos de pensamentos tristes, é um boost de felicidade.

 

Dormir bem!

Não há como andarmos bem, se não dormirmos bem! Talvez abra uma excepção para o nosso Presidente, mas a maioria das pessoas precisa do devido sono de beleza para repor os níveis.

 

Comer bem!

Ou seja, ter escolhas saudáveis e conscientes para não ficarmos a pensar no assunto ou com fome.

 

Organização sempre!

Sou apologista a 100% da organização dos nossos dias. Organizo-me de véspera, planeio o dia, as refeições, o trabalho, etc… Sinto que me sai um peso de cima. E ando sempre com a agenda a trás.

 

Pessoas queridas!

Ter pessoas queridas na nossa vida e que a meio do dia nos surpreendam com uma mensagem a dizer que gostam de nós e logo de seguida uma mensagem nossa cheia de amor a dizer o mesmo. É chamado comportamento gera comportamento!

 

Pensamento positivo!

Sempre, ou pelo menos na maioria das vezes. Não valorizármos em demasia o que não podemos controlar ou resolver. Olhar para as coisas com atitude positiva, já é meio caminho andado para termos discernimento para uma eventual solução.

 

Redes sociais com calma!

Eu já confessei várias vezes que não sou a pessoa mais fã de redes sociais, gosto do Pinterest, mas raramente atropelo um momento com alguém por causa de uma rede social, mas entendo quem o faça. Mas há que usar o bom senso e viver ao invés de ver a vida através da camara do telemóvel.

 

Gerir o tempo!

Para mim o tempo é o mais precioso que há e não há nada que me irrite mais que perder tempo. Gerir o tempo da melhor maneira faz-me sentir mais produtiva e logo mais feliz. O tempo não dá para tudo, por isso, tento usar de prioridades e agilizá-lo da melhor maneira. Evitando “perder” 1h numa chamada telefónica sem nexo, quando posso resolver com um e-mail em menos de 2 minutos. Ou ir para uma reunião com hora de chegada e partida definida na minha cabeça, para evitar que se estenda até sei lá quando.

 

Mexer o corpinho!

É um mimo para alma. Até hoje não houve uma única vez que tivesse ido treinar sem vontade nenhuma (por qualquer motivo) e não tivesse saído de lá, muito mais animada e orgulhosa por ter ido. Gosto de treinar, fiz desporto desde pequena e ajuda-me no equilíbrio emocional.

 

Abraçar!

Não dispenso de pelo menos um abracinho por dia. Já confessei aqui no blogue que por norma cumprimento os meus amigos com um abraço, porque para mim é preciso o toque. E faz-me um bem do caraças!

 

Amar!

Amar e acreditar no amor acima de tudo. Para mim não dá para ser de outra forma. Dizer amo-te é tão bom. E ouvir? Melhor ainda. Muitas vezes ao dia se faz favor!

 

Caminhada profissional!

Ser ética, ter objectivos e metas reais, cumprir… deixam-me tranquila e feliz. Não passar por cima de ninguém e ter sempre o sentimento de missão cumprida.

 

Perdoar ou dizer adeus!

Aqui só há um dos dois caminhos. Quando alguém se porta mal connosco não há meio termo, nem andarmo-nos a massacrar com isso. Ou perdoamos e acabou. Ou abrimos a porta e desejamos boa viagem.

 

Descomplicar e desconstruir!

Os melhores verbos de sempre! Complicar é o pior que podemos fazer, ficamos agarrados a teias e novelos sem saída. Desconstruir é quebrar o normal, é arriscar, é trazer loucura… sempre com bom senso, mas faz bem!

 

Natureza e animais!

Ter aquele momento do dia com os nossos peludos ou a tratar das nossas plantas é tudo. Eu adoro… Já disse várias vezes por aqui que adoro animais e sou doida por plantas, por isso, são canais de energia positiva para mim.

 

Desconectar do trabalho!

Já dizia o sábio que: trabalho é trabalho, conhaque é conhaque. Então vamos deixar o trabalho no sítio dele e o mesmo com o conhaque. Nada de ver e-mails, ou trazer preocupações para casa. Amanhã a vida começa outra vez e se tudo correr bem, estará tudo à nossa espera no escritório para resolvermos.

 

Rezar, meditar!

O que seja, desde que seja o “nosso” momento de paz. Aquele momento que estamos só nós e a nossa fé, o nosso respirar. Fundamental!

 

Música!

Já disse várias vezes, que há poucas coisas que me deem tanto prazer como a música, por isso, não dispenso de maneira nenhuma. E uso e abuso dela para me ajudar a conduzir as minhas emoções para o sítio certo.

 

GPS!

Programar o nosso GPS humano e pedir que o destino final seja um dia bom, com desafios, com alegrias, muito amor e que acabe em paz. E andarmos com esse destino na cabeça durante o dia, para irmos ajudando no caminho. (sim, sou um pouco doida eu sei!)

 

Saúde!

Deixei para o fim a mais importante. Cuidar da nossa saúde é tudo. Não descorar este tema em momento algum. O preço a pagar por não nos protegermos e prevenirmos é altíssimo. Não custa fazer-mos um check-up anual. Estarmos atento aos sinais que o nosso corpo dá. Sem sermos obcecados ou hipocondríacos, podemos ser pro-activos e cuidar de nós. Como dizia a Matinal: “Se eu não cuidar de mim, quem cuidará?”

 

#PorqueEuEscolhiSerFeliz ♥

 

Créditos da fotografia: Stokpic

2 Replies to “A minha cábula das 21 dicas”

  1. Gostamos tanto de ti… Por isto!
    OBRIGADO!

    1. Ohhhhh que amores vocês! <3 <3

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Coisas FABULOSAS acontecem a quem subscreve esta newsletter!
Maria Amélia ícone
error: Conteúdo protegido!!
%d bloggers like this: