Sabedoria para aceitar

Ela sonhava com castelos.

Mas sem o serem propriamente ditos.

Sonhava com príncipes encantados.

Mas preferia que não fossem assim tão perfeitos nem tão penteados.

Não sonhava com vidas soberbas.

Porque a curiosidade do “lado b” da vida sempre a fascinou.

Acreditava que as cenas dos filmes demasiado perfeitas, não passavam disso mesmo.

De cenas de filme.

Sempre gostou de viver intensamente.

De descobrir pessoas e o mundo.

De se atirar ao mundo sem medo do que vá encontrar.

Sempre sonhou muito.

Sonhava tanto e sempre!

Como eterna criança que era, sonhava muito.

Sonhava com princesas e unicórnios.

E meias quentes e pantufas fofas!

Algodão doce e farófias.

Tudo porque lhe pareciam nuvens.

E ela era fascinava com nuvens!

Acreditava que arco-íris era a sua cor preferida.

E os batidos de morango a maior invenção de sempre.

Vivia assim.

Acreditava que a vida tinha de tudo.

A verdade e a sua verdade.

A outra verdade.

Com mais brilho e purpurinas.

Pedia sabedoria para ir vivendo.

Sabedoria para aceitar.

Sabedoria para não a deixar amargurar.

Ou tornar-se numa adulta em tons de cinzento.

Pedia ajuda para filtrar.

A filtrar todos os que vinham sem cor.

Sem amor.

E a vida foi acontecendo.

A princesa sem castelo foi vivendo.

E o príncipe despenteado acabou por aparecer.

E nem tudo mudou.

As nuvens continuam a ser um grande fascínio.

Assim como os batidos de morango!

E continua a pedir o mesmo de sempre.

Sabedoria.

Sabedoria para que o caminho se faça sem tantos becos.

Sem tantas quedas.

Sem empurrões ou desvios.

Sabedoria para quando lhe faltar a dela.

Aquela que adquiriu a viver.

Sabedoria para escolher pessoas que a protejam.

Que a respeitem e a amem incondicionalmente.

Sabedoria para saber aceitar a vida.

Para sorrir diante adversidades.

E chorar sempre que se emocionar.

Sabedoria para continuar a sonhar.

Porque ela vai sempre continuar a sonhar.

Tanto e sempre!

 

Créditos da fotografia: André Thomas Weller

 

 

Já me segues no Facebook e no Instagram? ♥

One Reply to “Sabedoria para aceitar”

  1. ❤ Lindo.
    Mesmo que nem sempre comente, absorvo cada um deles.
    Vivências próprias ou histórias de outrens, cada qual com a sua mensagem.
    Continua a contar e a encantar. Beijinhos com muitas saudades.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Coisas FABULOSAS acontecem a quem subscreve esta newsletter!
Maria Amélia ícone
error: Conteúdo protegido!!
%d bloggers like this: