Pesadelo na Cozinha | Restaurante Canela

Há uns dias atrás a minha Mãe falou-me do Pesadelo na Cozinha.

Eu conhecia o formato internacional (Kitchen Nightmares apresentado pelo carismático Gordon Ramsay), mas não sei como, passou-me completamente ao lado que existisse uma versão portuguesa deste programa e que estivesse a dar tanto que falar!

E pela primeira vez assisti.

Assisti ao episódio do Canela.

E não falo do Canelas e da famosa (e infeliz) joelhada ao árbitro.

Falo daquele senhor Canela, proprietário do restaurante com o mesmo nome em Campolide/Lisboa.

Se aprecio o formato e conceito do programa, é discutível.

Mas sei que os programas de televisão são feitos para ter audiências e está tudo dito.

Quem conhece o formato internacional sabe que há coisas que podem ser exageradas, diálogos forçados e até assustadores, enfim… sabemos disso.

Também sabemos o mundo “obscuro” por trás de uma cozinha de muitos restaurantes.

Volta não volta, temos a ASAE a fechar restaurantes por motivos completamente assustadores para a saúde publica.

Mas, também sabemos que os restaurantes são escolhas que fazemos, por isso, só come num restaurante com prateleiras cheias de pó ou ainda, com carne e peixe feitos da mesma grelha, quem quer.

Eu, por opção, dispenso esse tipo de loucuras.

Por exemplo se entro num restaurante e enquanto espero que me arranjem mesa, me entretenho a olhar para os vinhos e encontro as prateleiras com 3cm de pó ou funcionários cheios de nódoas e com aspeto pouco asseado, imagino logo como será tudo o que não está à vista, como a cozinha.

E rapidamente vou embora dali.

Mas pior do que as baratas, as iscas temperadas no frigorifico há 15 dias, a marinada da carne junto ao bolor é a postura daquele senhor.

A falta de noção.

A falta de humildade.

O estar-se a afundar e a levar com ele a família e os funcionários e continuar com aquele ar de “chico esperto”.

Mas o pior é o que ele faz às pessoas que escolhem dar-lhe dinheiro a ganhar, às pessoas que escolhem ajudá-lo a ter a porta aberta…

O que ele faz à saúde dessas pessoas.

É tão triste e tão pequeno.

A teimosia, a resistência a querer evoluir.

Eu não trabalho em restauração, por isso, não sei dizer se o Chef Ljubomir Stanisic sabe o que diz e se lhes deu as dicas certas. E ainda, se foram adequadas ao espaço e ao público desse restaurante.

Mas em relação às limpezas e condições dos ingredientes não há como discordar.

E como seria óbvio, já tudo voltou ao mesmo.

Nunca na vida, uma pessoa com aquela postura iria aceitar as sugestões do Chef.

Nunca! Pessoas assim não mudam, não evoluem. Pessoas assim vivem numa bolha, fechados e alheios à realidade. Pessoas assim destroem tudo sem se darem conta.

Tenho sobretudo pena da DªMaria que está agarrada (talvez por um amor de muitos anos e também por pena dele, como ela mostrou varias vezes quando falava dele) a um homem com uma cabeça doente e minada. Um homem que nunca a vai ouvir, que nunca lhe vai dar paz e que sobretudo tem ZERO de noção.

Quanto a mim, passo muitas vezes em frente ao Canela mas jamais entrarei. Respeito demasiado a minha saúde para isso.

E pelo que sei a ASAE está de olho neste espaço e já o multou e fechou temporariamente.

E vendo as coisas sem grande sentimento à causa, ainda bem que a TVI teve um boom de audiências nesse programa, porque não serviu para mais nada.

Depois de ler esta notícia nada surpreendente na NIT (aqui)  espero sinceramente que lhe fechem o restaurante. Vejam só as fotografias desse artigo, não preciso dizer mais nada…

Um homem que não consegue comer o que serve aos clientes, tem que ter a porta fechada!

E sinceramente vi uma onda de solidariedade gigante à volta do Senhor Canela, por dar o melhor que consegue e sabe, mas eu não entro em ondas onde desconfio e muito dessa inocência.

Se assim fosse, porque ele não comeria os pratos que confecciona?

Se o formato do programa não se adequa a este tipo de estabelecimentos, então não se candidatem.

Já se sabe o sensacionalismo deste tipo de programas, só lá vai quem quer.

Ou vamos bater na eterna tecla da Casa dos Segredos:

“Não sabia que ia ficar tão exposto… são 24 sobre 24h…”

Me……..nos!

 

Créditos da fotografia: Inês Costa Monteiro | NIT

 

Já me segues no Facebook e no Instagram? ♥

 

4 Replies to “Pesadelo na Cozinha | Restaurante Canela”

  1. Sublinhamos tudo o que disseste! Mas tirando os extremismos e excessos mais falsificados que sei lá o quê… Achamos importante que haja este tipo de programas para ver se estas pessoas ganham um pingo de noção. É que a triste realidade é que não faltam restaurantes destes por esse país fora. E depois nós é que ficamos com a marca de lá termos posto os pés e termos de sair à socapa, quase como se estivessemos a fugir sem pagar a conta, mas na realidade nem chegámos a pedir nada, porque era mau demais. Não te acontece o mesmo?

    1. Sim, mas eu não disfarço e se tiver que dizer porque estou a ir embora, digo. Há coisas que não tenho paciência e a falta de higiene quando se trata de alimentos é uma delas…
      Mas concordo quando dizem que é a triste realidade e que deve haver imensos restaurantes assim, por isso, cada vez mais evito comer fora, já há muito tempo que deixei de confiar. 🙂 Beijinhos!

  2. Não vi esse episódio: o teaser foi o suficiente para me deixar traumatizada.
    Outro restaurante que não aprendeu nada foi o Rio Minho, também em Campolide (mas o que raio se passa com os restaurantes de Campolide?).

  3. […] uns dias partilhei este post sobre o programa Pesadelo na Cozinha e o carismático Chef Ljubomir […]

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Coisas FABULOSAS acontecem a quem subscreve esta newsletter!
Maria Amélia ícone
error: Conteúdo protegido!!
%d bloggers like this: